92 rue Saint-Denis, 75001 Paris

Accueil > Welcome-Bienvenidos-Willkommen > Boas-Vindas

Boas-Vindas

VOCÊ ESTÁ AQUI
IGREJA SAINT-LEU – SAINT-GILLES
Rue Saint-Denis, N.º 92, 75001 PARIS
Sítio Web : http://saintleuparis.catholique.fr

· A Rua Saint-Denis retraça o percurso das grandes peregrinações à Abadia do mesmo
nome, onde se encontra o sepulcro de Santo Denis, bispo de Paris. Era o caminho seguido pelo
cortejo real, por ocasião da entrada solene dos reis em Paris, depois da coroação ou para
enterro dos reis de França nesta abadia.
· Entre os números 84 e 92 erguia-se outrora a Abadia Saint Magloire, onde se
estabeleceram em 1120 os monges da Île de la Cité. No século XII, encontrava-se ali a capela
Saint-Gilles, reservada aos fiéis daquele bairro. Saint Gilles foi um eremita do século VII que
se tornou muito popular na região da Provença e cuja festa se celebra a 1 de setembro.
· Em 1235, foi decidida a construção de uma igreja independente da abadia, dedicada a
Saint Gilles. Ao seu nome foi junto o nome de Saint Leu, bispo de Sens, cuja festa se celebra
também a 1 de setembro.
· Por volta de 1320, começou a construção de uma nova igreja. As duas traves
abobadadas em pedra marcam o lugar do antigo coro. As outras traves estão cobertas por vigas
aparentes. Em 1611, foi criado o coro atual (a decoração foi renovada no século XIX).
· Em 1727, foram reabilitados os corredores laterais, com a criação de abóbadas de gesso
para as quatro primeiras traves, segundo o modelo das outras duas, em pedra.
· Em 1857, aquando da abertura do Boulevard Sebastopol, foi suprimida a abside da
igreja e confiada a Baltard a sua reabilitação : transformação do deambulatório, das capelas
laterais, construção de anexos do lado da Rue de la Grande Truanderie, decoração do coro, e
detalhes do portal.
Eglise Saint-Leu – Saint-Gilles 92 rue Saint-Denis 75001 PARIS (M°Etienne Marcel / RER Les Halles) CCP 8033 47 J PARIS
· Desde 1820, a igreja de Saint-Leu é a igreja capitular dos Cavaleiros do São Sepulcro,
que ainda hoje ali realizam as suas assembleias e rezam pela Terra Santa. A eles se deve o
regresso a Saint Leu das relíquias de Santa Helena, outrora veneradas na Abadia de
Hauvilliers, perto de Epernay, e que foram colocadas no relicário que se encontra na cripta.
Todas as semanas, à sexta-feira, os Irmãos ortodoxos aqui as vêm venerar.
· Desde o desaparecimento mercado das Halles, o bairro transformou-se profundamente.
A Igreja de Paris quis renovar a presença cristã no setor, ponto de passagem entre o Forum des
Halles e o Centro Georges Pompidou.
· Desde 1975, é aqui que se reúne uma comunidade de fieis. Alguns vivem aqui no
bairro, outros vêm de diferentes partes de Paris e dos subúrbios. A todos anima a vontade de
exprimir na liturgia, na oração e na vida fraterna, a disponibilidade e a abertura em relação ao
bairro e a todos quantos por aqui passam. Todos procuram acolher e dizer juntos a presença de
Deus entre os homens. Desde maio de 2001, a Diocese constituiu em Saint-Leu uma nova
paróquia de que a Rua Saint-Denis é o eixo central, tornando ainda mais evidente a
denominação de Saint-Leu - Saint-Gilles para a Igreja da Rue Saint-Denis.

Para mais informações, está sempre alguém à sua disposição.